Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2017

LUCIO MANOEL, ministro do evangelho

Imagem
Lucio Manoel

É ministro do evangelho, servindo atualmente na Igreja Reformada de Maceió. Trabalha em um projeto missionário desta igreja, no bairro de Salvador Lyra, também em Maceió. Pastor Lucio Manoel está cooperando em vários trabalhos missionários, para plantação de igrejas reformadas. Ele tem servido como cooperador nos projetos Refo500 Brasil e Dordt-Brasil, além de manter este blog.

Pastor Lucio Manoel formou-se Bacharel em Divindade, pelo seminário das Igrejas Reformadas do Brasil, o Instituto João Calvino. Ele é casado faz 21 anos e é pai de quatro filhos.

Encontre o pastor Lucio Manoel nas edes sociais: LucioManoelVDM


QUEM FOI JOHN ABBOTT AUTOR DO LIVRO "A MULHER NO LAR" (lançamento 2017, em Português)

Imagem
traduzido e adaptado por Lucio Manoel

John Stevens Cabot Abbott (19 de setembro de 1805 - 17 de junho de 1877). Ele foi historiador, pastor e escritor pedagógico americano. Nasceu em Brunswick, Maine, de Jacob e Betsey Abbott. Participou da fundação do Institute Springer, em Nova York. John se associou com seu irmão Jacob Abbott na administração do Abbott's Institute, Nova York, e na preparação de sua série de breves biografias históricas. O Dr. Abbott se formou no Colégio Bowdoin em 1825. Preparou-se para o ministério no Seminário Teológico Andover, entre 1830 e 1844. Quando se retirou do ministério da Igreja Congregacional, pregou sucessivamente em Worcester, Roxbury e Nantucket, todos em Massachusetts. 




Devido ao sucesso de um pequeno trabalho, A mãe no Lar, ele se dedicou, a partir de 1844, à literatura. Ele foi um escritor volumoso de livros sobre ética cristã e histórias populares que foram creditadas com o cultivo de um interesse popular na história. Ele é mais conhecido como…

Livro "A MÃE NO LAR" - Clássico de 1833, tem lançamento em Português, em 2017

Imagem
Por Lucio Manoel

Acaba de ser lançado no Brasil, o clássico A Mãe no Lar, de John Abbott.
A Mãe no Lar foi publicado inicialmente em 1833, pela Sociedade Americana de Panfletos, e se tornou uma das mais estimadas obras do século XIX sobre a arte de ser mãe, exaltando a gloriosa obra da mãe no lar. O livro enuncia e ilustra os princípios básicos do dever da mãe em criar seus filhos "no temor e na admoestação do Senhor". Seu sucesso imediato levou o autor a escrever um companheiro para este volume, voltado para os filhos: "A Criança no lar".
A Mãe no lar enfatiza a importância de criar filhos sob os olhos de Deus, sempre conscientes da Sua presença e submissos à Sua Palavra - as Escrituras Sagradas. A citação a seguir, extraída do último capítulo do livro, mostra a importância que o autor coloca sobre o cuidado maternal com as crianças: 
Ó, mães! Reflitam sobre o poder que o seu Criador colocou em suas mãos! Não há influência terrena que possa ser comparada à sua. N…