ATA DO SÍNODO DE DORT - lançamento mundial do primeiro volume


ACTA ET DOCUMENTA SYNODI NATIONALIS DORECHTANAE (1618-1619)

Algumas pessoas me pediram para eu escrever um pouco mais sobre o projeto Dordt, que publicou recentemente o primeiro volume que contém a Ata do Sínodo de Dordt (1618-1619). Observando tal volume, achei que o melhor que posso fazer é traduzir o prefácio que os três editores escreveram para apresentar o primeiro dos 9 volumes dessa coleção impressionante. Acredito que esse primeiro volume é um bom exemplo, pois ele indica como os outros volumes serão. O livro tem 539 páginas (e custa mais ou menos R$ 1,25 por página (!), um valor insignificante, considerando o fato de que o leitor terá acesso ao material original, que só pode ser visto em arquivos na Europa). Nele há um index de nomes, que atualizará o leitor com os personagens mais importantes do século XVII; também há um index de assuntos e textos bíblicos, que ajudam o leitor que quer pesquisar certos tópicos. O livro foi bem feito (com capa dura) e servirá também para as próximas gerações que querem pesquisar sobre a ata de Dordt. 
Aqui segue o Prefácio dos editores:
A coleção Acta et Documenta Synodi Nationalis Dordrechtanae (1618-1619), é uma edição crítica de nove volumes, na qual contém todos os documentos do Sínodo de Dordt. Além da Ata original que cobre todas as sessões que foram feitas durante mais de seis meses, há também todos os documentos preparatórios que foram produzidos pelo Sínodo, e os relatórios contemporâneos sobre o Sínodo. Todos os documentos são disponibilizados nas suas línguas originais (principalmente Latim, que era a língua oficial dos delegados). 
O primeiro volume dessa coleção apresenta três versões da Ata do Sínodo: 1) A Ata original que se chama Ata Autenticada; 2) A Ata impressa; e 3) A ata abreviada, que se chama A Ata Contrata. Considerando que a Ata impressa tem diferenças significantes em comparação com a Ata Autenticada, a primeira edição da Ata impressa (Leiden 1620) está incluída nesse volume para que o leitor possa compará-la facilmente com a Ata Autenticada. Também foi incluída a Ata das reuniões dos Delegados do Estado, os quais representavam os Estados Generais (O Governo dos Países Baixos) no Sínodo, e o mandato com as instruções que receberam dos seus superiores. 
Os documentos que foram considerados e produzidos pelo Sínodo aparecem nos outros volumes dessa coleção. Quando mencionados em qualquer versão da Ata, tais documentos são identificados nos rodapés. 
A necessidade desta nova edição é óbvia, porque muitos documentos importantes do Sínodo estão sendo preservados como manuscritos em vários arquivos europeus: tanto na Holanda, como também na Suíça, Inglaterra e Alemanha. Isso inclui a Ata original (A Ata Autenticada) do Sínodo, como também uma variedade de diários importantes, que foram feitos por alguns participantes. Além disso, muito material sobre Dordt, que foi escrito principalmente no século XVII. 
O projeto Dordt nasceu quando Herman Selderhuis e William den Boer da Universidade Teológica em Apeldoorn (Holanda) discutiram a ideia de comemorar o aniversário quadringentésimo do Sínodo por meio da produção de uma nova edição da Ata de Dordt. Eles compartilharam essa ideia com Donald Sinnema, o qual possui muito conhecimento por causa das suas pesquisas de Dordt; ele apontou a necessidade de haver uma edição crítica de todos os documentos de Dordt. 
O objetivo amplo do projeto exige um time internacional de editores, os quais são supervisionados por três editores gerais. Herman Selderhuis coordena os aspectos organizatórios do projeto. Christian Moser (Institut fur Schweizerische Reformationsgeschichte; em português: Instituto da História Eclesiástica da Suíca), Universidade de Zurique) cuida dos aspectos editoriais e técnicos da edição. E Donald Sinnema (Trinity Christian College, Illinois) cuida do conteúdo e de uma inventariação completa de todos os documentos de Dordt.
TRADUÇÃO: Rev Abram de Graaf
Projeto Dort

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Série: O que a Bíblia diz (VERSÍCULOS SOBRE A ELEIÇÃO E PREDESTINAÇÃO)

SÉRIE: ELEMENTOS DO CULTO. A SAUDAÇÃO

OS DEVERES DOS PRESBÍTEROS, DIÁCONOS E DA CONGREGAÇÃO