quarta-feira, 24 de março de 2010

PASTOR SILAS MALAFAIA DEBATE NO SBT SOBRE HOMOSSEXUALISMO

Acabou a pouco o debate entre o pastor Silas Malafaia e um representante de movimento pró homossexualismo. Noutro debate realizado nesta mesma emissora, realizado no dia 24 de fevereiro, o pastor Silas enfrentou a ex-deputada Iara Bernardes para discutir os efeitos do PL 122/2006 sobre o povo evangélico e, ou, como bem frisou o pastor, sobre a nação inteira.

Um ponto bastante frisado tanto no debate de hoje, como no último foi o privilégio dado aos homessexuais pelo PL. Resumindo, o PL dá ao homossexual o direito de livre expressão sem ser impedido. Aparentemente não há nada de errado. O detalhe está em que "sem ser impedido" é um direito que o cidadão comum não tem. Todos temos o direito a livre expressão, mas não estamos livres de sermos impedidos em nossa "liberdade".

Imagine o seguinte: se você entra num restaurante e resolve tascar um beijo em sua esposa. O garsom pede para você parar! Se voce insistir ele pode convidá-lo a retirar-se. Isso acontece porque não existe lei que impessa o funcionário do restaurante de reagir dessa maneira. No caso do homossexual, o PL proíbe essa atitude. É aí que se concentra uma parte das discussões em torno do assunto.

É certo que muita coisa ainda vai rolar, e sincertamente, não acredito que esse PL passe no parlamento nesse momento. Mas, isso não significa muito. Essa estratégia do diabo é antiga. Em nossa nação todas as aberrações viram lei dessa mesma maneira: hoje não passa, amanhã vira lei.

Mas, voltamos ao assunto do debate no SBT. Faço parte de uma igreja confessional de tradição reformada, e reconheço que a igreja tem usado muito pouco seu oficio para protestar diante dessa impiedade e mostrar a verdade do evangelho sem medo das retaliações. Precisamos gastar nosso trabalho na defesa das verdades bíblicas, antes que as mentiras a sufoquem, mais do que já tem feito.

Nesse ponto, reconheço o trabalho que o pastor Silas Malafaia tem feito. Por conta de ser o representante evangélico de maior mídia na atualidade, e que está disposto a encarar os adversários da santidade cristã é o único que tem sido convidado pela imprensa para dar a posição bíblica-evangélica sobre o assunto.

Foi assim na Band, no programa Roda Viva, no ano passado, e agora, por duas vezes, em dois meses, no SBT.

Esperamos que outros entendam a necessidade de se alinhar nete propósito de defender o evangelho de Cristo, e usem seu poder de mídia para glorificar o nome do Senhor Jesus que é a razão de existirmos.

Lucio Mauro

Lucio Mauro

Nenhum comentário: