Dicas sobre uso de faróis e lanternas: voce sabia que asar apenas lanternas a noite dá multa

voce sabia que asar apenas lanternas a noite dá multa

Os veículos são dotados de sistemas de iluminação, com a finalidade de proporcionar a percepção do veículo à longa distância, quando estamos em rodovias, mas também a interpretação de seu posicionamento
Quando estamos em dias chuvosos, à noite ou no entardecer.
Um dos países que apresentavam índices elevadíssimos de acidentes de trânsito, era a Suécia. Para solucionar o problema, foram adotadas medidas preventivas e uma das mais curiosas foi a obrigatoriedade do uso dos faróis baixos mesmo no período diurno.
Os índices reduziram drasticamente, mas pode ser esclarecida esta questão, porque a Suécia tem problemas sérios com o nevoeiro sobre suas cidades.
Mas um número significativo de motoristas deixam de fazer uso dos faróis da maneira correta, por absoluto desconhecimento de causa.
Para se ter idéia, muitos confundem a lanterna, também denominada luz de posição, ou luz de estacionamento, com o farol baixo.
A lanterna tem finalidade de se conferir o posicionamento do veículo em condições extremas de ausência de luminosidade.
Os faróis tem a função de iluminar a pista de passagem enquanto que o farol alto, permite a visão de uma extensão maior e só pode ser utilizado quando não houver outros motoristas no sentido oposto, ou à sua frente.
Outra função importante do uso dos faróis baixos, é a capacidade de permitir a antecipação aos motoristas que estiverem próximos de cruzar o mesmo local, mesma esquina, ou mesmo cruzamento de pistas.
Isso porque quando o motorista liga os faróis, a pista à sua frente é iluminada e os motoristas que estiverem se aproximando perceberão o seu movimento evitando assim uma possível colisão.
A falta do uso correto dos faróis é tão expressiva em diversas cidades brasileiras, que metrópoles como a Grande São Paulo, registram aumento de 15% no número de acidentes de trânsito, mesmo existindo um número 65 % menor de veículos nas vias públicas no período noturno.
Grande parte ocorre por ausência, mau uso, ou falhas nas iluminações.
É significativo o número de motoristas que deixam de fazer uso das lanternas (estou dizendo lanternas e não faróis), nas rodovias. Isso mesmo, muitos deixam de ligar as lanternas para trafegar pelas rodovias.
Não sei o que ocorre, nem por qual motivo deixam de ser sequer multados ou advertidos pelos policiais rodoviários.
Mas o problema é ainda maior quando esta negligência ocorre por parte de motoqueiros.
Eu já fui surpreendido diversas vezes em dias chuvosos, sem muita visibilidade, com motoqueiros cruzando os veículos sem nenhuma luz acesa, seja na traseira, seja na dianteira.
Os índices elevadíssimos de morte de motoqueiros no Brasil, pode ser interpretado parcialmente por mais este motivo.
Para entender um pouco tudo isso, os motoristas deveriam fazer com certa regularidade, uma revisão nos faróis, principalmente na questão da regulagem de altura.
Quando se pretende viajar, a questão da regulagem deve ser melhor atendida, isso porque quando se coloca uma quantidade significativa de peso no veículo, em geral no porta-malas, o veículo tende a "empinar" fazendo com que o ângulo de inclinação confira a elevação dos focos de luminosidade dos faróis.
Outra questão e que é motivo constante de reclamações por parte dos motoristas, é pelo fato de que mesmo os faróis baixos venham a incomodar quando em tráfego pelas vias públicas. Isso se deve ao fato de que quando utilizamos os faróis baixos, o foco de iluminação será da altura do pára-choque para baixo.
No entanto, quando se está em uma elevação, este foco será literalmente no olho do motorista que estiver no sentido oposto e na subida.
Não há o que fazer nesta situação à não ser enfrentar o problema.
Muitos se manifestam com medidas que são supostamente "educadas", desligando os faróis baixos deixando somente as lanternas. Mas isso é uma infração de trânsito, pois os faróis devem ser acionados e permanecer ligados enquantoo veículo estiver em funcionamento e em movimento.

Leia Mais em:

http://pt.shvoong.com/exact-sciences/engineering/1667908-dicas-automotivas-uso-correto-dos/

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Série: O que a Bíblia diz (VERSÍCULOS SOBRE A ELEIÇÃO E PREDESTINAÇÃO)

SÉRIE: ELEMENTOS DO CULTO. A SAUDAÇÃO

OS DEVERES DOS PRESBÍTEROS, DIÁCONOS E DA CONGREGAÇÃO